Leitura

Como oferecer ajuda para alguém com depressão?

Como ajudar uma pessoa com depressão? Essa é uma pergunta recorrente de quem tem contato com amigos e familiares que possuem o transtorno depressivo.

Conviver com quem tem depressão não é uma tarefa fácil. O sentimento de impotência é algo comum em quem é próximo da pessoa. 1,2

Dificuldade com sono, desânimo, falta de prazer e dificuldade com atividades no dia a dia são algumas das adversidades que uma pessoa com depressão pode enfrentar. Logo, pessoas próximas também são afetadas diante de todo o cenário. 1,2

É aí que surge a pergunta: como ajudar? Sem conseguir uma resposta fácil e rápida, muitos acabam recorrendo à cobrança, muitas vezes, disfarçada de "incentivo", em frases como: "vamos lá, você precisa reagir!" ou "tenha um pouco mais de força de vontade".  

O que não se percebe é que apesar das melhores intenções, esse tipo de abordagem acaba alimentando um sentimento de culpa e desanimando quem, muitas vezes, já está sem forças para lutar. 1,2

Ajudar uma pessoa com depressão é essencial, mas precisamos fazer isso de forma responsável. Confira algumas dicas!

O que você precisa saber para ajudar alguém com depressão?

Antes de qualquer dica, você precisa compreender que depressão não é uma simples tristeza, frescura ou exagero. Ela é uma doença séria que requer atenção e empatia de todos os amigos e familiares da pessoa que vive com o transtorno. 1,2

Você também pode se ser afetado e ter sentimentos conflituosos. Por isso, tenha em mente que: 1

A doença do seu amigo ou ente querido não é culpa sua e nem dele;

Você não pode curá-lo, mas pode oferecer seu apoio, compreensão e esperança.;

Cada pessoa apresenta um quadro clínico diferente, ou seja, possui sintomas e sentimentos diferentes. Tente não ficar comparando os sentimentos com os de outra pessoa que também tem o transtorno de depressão;

A melhor maneira de ajudar é perguntar diretamente para a pessoa com depressão e buscar mais conhecimento sobre a doença;

Não tente consertar os problemas da pessoa por contra própria.

O que você pode fazer para ajudar alguém com depressão?

O primeiro passo é entender mais detalhes sobre a doenças e como o seu amigo ou ente querido está se sentindo. A depressão pode gerar sentimentos de tristeza, culpa e desesperança. Lembre-se: a pessoa não quer se sentir assim, mas não consegue controlar os sentimentos. 1

Se você quer ajudá-lo mesmo, não menospreze os sentimentos, ajude com as tarefas diárias, a criar e seguir algum tipo de rotina, respeite os dias que ele não quiser sair da cama etc. 1

Não esqueça que você está ali para ajudá-lo e apoiá-lo.  Algumas palavras de incentivo são bem-vindas, como:

- Estou aqui para o que você precisar

- Eu me importo com você

- Eu posso não entender a sua dor, mas posso oferecer meu apoio.

- Você significa muito para mim.

- A depressão está alterando a forma como você vê as coisas agora, mas você é importante.

- Não desista. Podemos ultrapassar tudo isso juntos.1

Essas são algumas palavras e coisas que você pode fazer no dia a dia para ajudar a pessoa.

Apesar do apoio, o acompanhamento médico é superimportante para o tratamento da depressão, por isso, o mais importante é garantir que o seu familiar ou amigo receba o tratamento eficaz. Para isso: 2

- Incentive a pessoa a procurar ajuda. Tente esclarecer que o tratamento ajuda a aliviar os sintomas que ele está sentindo agora.

- Ofereça ajuda para ele se preparar para as consultas, reunindo uma lista de perguntas. Anotando tudo que ele sentiu e como foi a rotina nas últimas semanas.

- Ofereça-se para acompanhar aos compromissos;

- Com permissão, converse com os profissionais da saúde sobre como você pode fazer para ajudar.

- Ajude-o a manter registros dos sintomas, tratamento, evolução e contratempos da doença em um diário.

- Esteja disposto a dar espaço sempre que a pessoa necessitar.

Como amigo ou parente de alguém que está lutando contra o transtorno de depressão, o seu apoio é importante para o processo de recuperação.

Mas não esqueça de cuidar de você. É natural que, diante de toda a situação, você tenha sintomas de estresse e ansiedade. Por isso, é importante que você tenha sua própria rede de apoio, com pessoas que ouvirão e se preocuparão com o seu bem-estar. 1,2

É possível oferecer apoio com responsabilidade. Pronto para ajudar?

Material para todos os públicos.
EFEX-2022-0046

Fontes:

1 ASSOCIAÇÃO DE APOIO AOS DOENTES DEPRESSIVOS E BIPOLARES. Ajudar um amigo ou membro da família com Depressão ou Perturbação Bipolar: Compreender a Depressão e a Perturbação Bipolar. [S. l.], 18 out. 2019. Disponível em: https://www.adeb.pt/publications/ajudar-amigo-ou-membro-familiar-com-depressao-ou-perturbacao-bipolar. Acesso em: 19 abr. 2022.

2ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE FAMILIARES, AMIGOS E PORTADORES DE TRANSTORNOS AFETIVOS. Como ajudar alguém com Transtorno do Humor: Depressão e Bipolaridade. [S. l.], 2022. Disponível em: https://www.abrata.org.br/como-ajudar-alguem-com-transtorno-do-humor-depressao-e-bipolaridade/. Acesso em: 19 abr. 2022.